Mercado árabe é foco de ação de promoção da carne brasileira

12 de fevereiro de 2020

De olho na expansão de um dos mercados mais importantes para a carne brasileira, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec) se prepara para participar novamente da Gulfood, uma das principais feiras de alimentos e bebidas do mundo, que acontece em Dubai, nos Emirados Árabes, de 16 a 20 de fevereiro. A ação é realizada em conjunto com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), parceira da Abiec no projeto Brazilian Beef e contará com a presença de 17 empresas associadas - Agra, Agroindustrial Iguatemi, Astra, Cooperfrigu, Frigol, Frigon, Frigosul, Frigotil, JBS, Marfrig, Masterboi, Mataboi, Mercurio Alimentos, Minerva, Plena Alimentos, Supremo e Zanchetta.

Durante o evento, a Associação irá promover o tradicional churrasco brasileiro aos visitantes do mundo inteiro, de olho num mercado que tem apresentando números robustos. Em 2019 as exportações brasileiras para os países árabes somaram pouco mais de 511 mil toneladas, um incremento de 5,7% em relação a 2018. Já em faturamento, as vendas alcançaram US$ 1,7 bilhão. Os resultados que representaram cerca de 22,5% do faturamento e 27,7% do volume total das exportações brasileiras de carne bovina.  "A expectativa é de que o evento seja uma ótima oportunidade para estreitar relação com um mercado importante, com potencial de crescer ainda mais", afirma o presidente da Abiec, Antônio Jorge Camardelli.

A Gulfood conta com a participação de mais de 5 mil expositores, provenientes de 120 países e recebe cerca de 97 mil visitantes de 185 países.


Sobre a ABIEC - www.abiec.com.br

Criada em 1979, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (ABIEC) reúne 32 empresas do setor no país, responsáveis por 92% da carne negociada para mercados internacionais. Sua criação foi uma resposta à necessidade de uma atuação mais ativa no segmento de exportação de carne bovina no Brasil, por meio da defesa dos interesses do setor, ampliação dos esforços para redução de barreiras comerciais e promoção dos produtos nacionais. Atualmente, o Brasil produz em torno de 10 milhões de toneladas de carne bovina, aproximadamente 20,8% são negociados para dezenas de países em todo o mundo, seguindo os mais rigorosos padrões de qualidade. Na última década, o País registrou crescimento de 135%no valor de suas exportações.

Sobre o Brazilian Beef

Iniciado em 2001, o projeto setorial Brazilian Beef, uma parceria entre Apex-Brasil e ABIEC, tem o objetivo de fortalecer a imagem da carne bovina brasileira, melhorando a percepção de sua qualidade nos países importadores e ampliando, assim, a participação brasileira no mercado mundial de carnes. Em 18 anos, já foram firmados nove projetos, com investimentos de mais de R$ 60 milhões e crescimento das exportações em mais de 500%.


Sobre a Apex-Brasil

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. Para alcançar os objetivos, a Apex-Brasil realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.